Compartilhe!

Sexo vai além do prazer. Sexo é entrega, descobrimento, e doação. Sexo que só busca o prazer próprio é egoísta, animal, não nasce do amor. O homem é o único ser vivo que faz sexo olhando nos olhos; todos os outros animais fazem sexo por trás sem olhar para a parceira, apenas para satisfazer o cio. Deus, ao criar o ser humano diferente, confere  um significado novo e superior ao sexo.

Ao falar da vida sexual de Adão, a Bíblia afirma que Adão conheceu a Eva (Gênesis 4.1). Sexo é conhecer o outro, encarar sem medo, culpa ou buscando a satisfação que sexo não dá. Felicidade dura muito mais do que os vinte segundos do clímax sexual.

Não afirmo que a vida sexual deve ser monótona ou vazia de novidades. Tudo o  que um casal faça para melhorar sua autoestima e “apimentar” o relacionamento deve ser bem-vinda, é estar em movimento, é descobrir-se a cada dia, é experimentar o novo, e beber o cálice da vida por inteiro, seja ele amargo ou doce. Na vida sexual acontece o mesmo. O casal deve descobrir novas maneiras de provocar e ser provocado. Não dá para ter uma vida sexual sensacional apenas praticando “papai e mamãe”, onde o homem fica por cima e a mulher sempre por baixo.

Porém, Isso não significa que o casal precisa ser devasso, levando um ao outro a praticar e usar objetos que inibem e produzem culpa. Liberdade não é sinônimo de libertinagem. Mas, tudo o que for bom para os dois e não para um só, que não agride a consciência de um dos cônjuges e que não obriga o outro a fazer algo que produza culpa é válido e lícito para trazer ainda maior prazer e liberdade à relação.

Uma vida sexual plena não vem apenas com a procura do prazer ou da auto-afirmação a qualquer custo. É fruto de um relacionamento diário onde impera o amor, o respeito, a renúncia, fidelidade e Onde valores como esses são trocados pela fantasia absurda, pela busca do prazer e não de um relacionamento sem mentira, orgulho e egoísmo nunca haverá felicidade sexual.

 


Administrador

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Duis arcu lectus, interdum a aliquet non, mollis a lorem. Nunc leo metus, vehicula nec metus in, pharetra pellentesque libero.

Compartilhe!
Colabore!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *
You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>