Topo
Topo
Radio
Loja virtual Reflexões Ministério Josué Gonçalves Eventos Parceiros Cursos Onde Comprar Blog
 
Família
Programa de TV
Programa de rádio
Fotos
Notícias
Equipe
Nossa Igreja
Eventos
Biografias
Encontro de Solteiros
Curiosidades
Esboços
Biografia
Fale Conosco
 
Paulo sabia manter o seu nível de resistência alto.

Paulo sabia manter o seu
nível de resistência alto.

 Para viver com saúde interior, é necessário estar comprometido comtudo aquilo que mantém nosso nível de resistência alto. Dentre muitas coisas, o apóstolo Paulo não abria mão da Oração, Leitura e meditação na Palavra e Relacionamento de qualidade. Quem deseja manter seu nível de resistência alto está lista de prioridades.

a) Oração - Orar é priorizar o mais importante, em detrimento daquilo que é urgente. Quem não ora, está negligenciando uma prática que nos capacita a vencer, vencer e vencer!
 "Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplicas, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos os homens..." (I Tm. 2:1).
"...com toda oração e suplica, orando em todo tempo no Espírito..." (Ef. 6:8). 
 Lembre-se sempre de que a oração aprofunda nossa comunhão com Deus e nos fortalece. Quanto mais tempo passamos com Deus em oração, mais Ele disponibiliza poder sobre as nossas vidas. Pessoas que são disciplinadas na oração, sempre tem mais saúde espiritual e emocional. Jesus e Paulo, passaram pelo caminho da perseguição, calunia, inveja, ingratidão, abandono, agressão etc. mas nada disso os deprimiu. Paulo, em uma declaração de fé, convicção e saúde na alma, escreve um dos textos mais lindo de toda a carta aos Romanos:
 
"Que diremos, pois, a estas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós? Aquele que nem mesmo a seu próprio Filho poupou, antes o entregou por todos nós, como nos não dará também com ele todas as coisas? Quem intentará acusação contra os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica. Quem é que condena? Pois é Cristo quem morreu, ou antes quem ressuscitou dentre os mortos, o qual está à direita de Deus, e também intercede por nós. Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada? Como está escrito: Por amor de ti somos entregues à morte todo o dia; Somos reputados como ovelhas para o matadouro.  Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou. Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, Nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor".  (Rm 8.31-39)

Só um cristão que mantém através de uma vida de oração disciplinada seu nível de resistência alto pode fazer esta declaração ousada de fé e esperança.  Orar não é uma opção, é uma necessidade vital. Quem não ora, com facilidade adoece na alma, no espírito e muitas vezes no corpo. A comunhão através da oração é o meio através do qual Deus torna você mais sensível, humilde, manso, generoso, amigo etc. Orar é manter o nível de resistência alto, portanto, oremos em todo o tempo.

b) A Leitura da Palavra - Ler e meditar nas Escrituras Sagradas, é alimentar o nosso homem interior.
    "Habite, ricamente, em vós a palavra de Cristo..." (Cl. 3:16). 
Não ler a Bíblia, é o mesmo que ficar sem alimentar-se, e querer continuar vivendo. Se quem não ora morre, quem não lê e medita na Palavra de Deus morre espiritualmente do mesmo jeito. A Palavra de Deus é o "Pão nosso de cada dia". É impossível alguém viver com saúde interior, se a Palavra de Deus não é prioridade no seu dia a dia. Veja porque a Palavra é imprescindível para a sua vida:
 É a Palavra que nos livra de pecar.
"Com todo o meu coração te busquei; não me deixes desviar dos teus mandamentos. Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti. Bendito és tu, ó Senhor; ensina-me os teus estatutos". (Sl. 119.10-12)
 É a Palavra que nos torna íntegro de coração.
"Render-te-ei graças com integridade de coração, quando tiver aprendido os teus retos juízos". (Sl. 119.7)
"Santifica-os na tua verdade; a tua palavra é a verdade". (Jo. 17.17)
"Purificando as vossas almas pelo Espírito na obediência à verdade, para o amor fraternal, não fingido; amai-vos ardentemente uns aos outros com um coração puro;" (1 Pe. 1.22)
"Para a santificar, purificando-a com a lavagem da água, pela palavra,..." (Ef. 5.26)
  É a Palavra que nos garante uma vida bem sucedida.
"Não se aparte da tua boca o livro desta lei; antes medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme a tudo quanto nele está escrito; porque então farás prosperar o teu caminho, e serás bem sucedido". (Js. 1.8)
 É a Palavra que nos alimenta.
"E te humilhou, e te deixou ter fome, e te sustentou com o maná, que tu não conheceste, nem teus pais o conheceram; para te dar a entender que o homem não viverá só de pão, mas de tudo o que sai da boca do Senhor viverá o homem". (Dt 8.3)
 A Palavra produz gozo e alegria para o coração.
"Achando-se as tuas palavras, logo as comi, e a tua palavra foi para mim o gozo e alegria do meu coração; porque pelo teu nome sou chamado, ó Senhor Deus dos Exércitos". (Jr. 15.16)
 É a Palavra que nos faz crescer para a salvação.
"...desejai ardentemente, como crianças recém-nascidas, o genuíno leite espiritual, para que por ele vos seja dado crescimento para a salvação".
 É a Palavra que ilumina nossos olhos espirituais.
"Os preceitos do Senhor são retos e alegram o coração; o mandamento do Senhor é puro, e ilumina os olhos". (Sl. 19.8)
 A Palavra tem o poder de nos curar.
"E o centurião, respondendo, disse: Senhor, não sou digno de que entres debaixo do meu telhado, mas dize somente uma palavra, e o meu criado há de sarar". (Mt 8.8)
 A Palavra nos torna cristãos frutíferos.
"Antes tem o seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e de noite. Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará". (Sl. 1.2,3)
 A Palavra é uma das principais armas de guerra do cristão.
"Tomai também o capacete da salvação, e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus;" (Ef. 6.17)
 É a Palavra  que gera esperança em nós.
"Porque tudo o que dantes foi escrito, para nosso ensino foi escrito, para que pela paciência e consolação das Escrituras tenhamos esperança". (Rm 15.4)

Ninguém se engane, a nossa saúde interior depende do quanto nos alimentados da Palavra de Deus. Quando a Bíblia se torna apenas um livro de enfeite na estante da casa, o casal, os filhos, a família vão se enfraquecendo, até adoecer e morrer espiritualmente. Foi exatamente o que aconteceu com alguns da igreja que estava em Corinto, quando Paulo disse: "Por causa disto há entre vós muitos fracos e doentes, e muitos que dormem". (1 Co 11.30) Para manter o nível de resistência sempre alto e conservar o homem interior com muita saúde, sigamos o conselho de Paulo: "Habite, ricamente, em vós a palavra de Cristo..." (Cl. 3:16).

c) Comunhão com pessoas nutridoras
 Paulo era extremamente gregário, veja a sua lista de amigos (Rm 16) que alimentavam a sua alma, numa relação de amizade abençoadora. Priscila e Áquila, seus cooperadores em Cristo Jesus; Epenêdo, o qual ele chama de 'querido'; Andrônico e Júnias, companheiros de prisão; Ampliato, o qual ele chama de seu 'dileto amigo no Senhor'; Pérside, a qual ele diz ser 'estimada', e a lista é extensa. Quem não sabe se relacionar com pessoas nutridoras, demonstra a necessidade de cura interior.
Quando o apóstolo escreveu sua segunda carta pastoral ao seu filho na fé, Timóteo,  ele orientou o jovem líder para que tomasse muito cuidado com duas pessoas extremamente destrutivas na igreja de Éfeso. "Cuidado com Imineu e Fileto, cuja conversa corrói como gangrena no corpo de Cristo" (2 Tm. 2:17). Ele estava alertando Timóteo para que tomássemos cuidado com estas amizades destrutivas.
 Depois da nossa família, quem mais nos influencia são as pessoas que escolhemos para andar conosco como amigos. Existem pessoas com quais não vale a pena andar, a não ser que você tenha como propósito bem definido, ajudá-las a encontrar a cura em Deus.
 Cultivar relacionamentos através da comunhão com pessoas nutridoras é uma forma poderosa para manter o nível de resistência alto. Se a igreja é um corpo, cada membro é o canal através do qual se processa a nutrição de todos. Talvez a pergunta que você deve estar fazendo é esta: "Como me relacionar melhor com as pessoas nutridoras?" Existem alguns princípios básicos para isso, vejamos quais são:
Não seja egoísta. Paulo, aos escrever aos Conríntios, disse: "... amor não procura os seus interesses..." (1 Co 13.5) Se o seu foco reside naquilo que você pode acrescentar às pessoas em vez do que pode obter delas, elas o amarão e respeitarão - o que cria uma grande base para a construção de relacionamentos.
Não seja precipitado em fazer julgamentos. Quantas vezes erramos por pré-julgar as pessoas pela aparência. Uma amizade cresce, na proporção que vamos conhecendo as pessoas e aprendendo a aceita-las do jeito que elas são em termos de temperamento, personalidade, posição social etc. Amar é aceitar as pessoas que jeito que elas são, e isso estimula o crescimento.
Aprenda se colocar no lugar do outro, antes de reagir ou responder. Só é possível compreender bem uma pessoa, quando nos colocamos no lugar dela. Foi isso que Jesus fez, quando se tornou homem e habitou entre nós. (Jo 1.14) Somos compreendidos por Deus, porque Ele se colocou em nosso lugar, para sentir o que nós sentimos. Quando fazemos o mesmo, reagimos e respondemos de forma inteligente.
Vença o preconceito. O meu conceito em relação às pessoas deve estar baseado na manifestação do caráter delas. O pré-conceito pode te fazer desconfiar de todos sem antes conhece-los, cuidado, supere isso para construir amizades abençoadoras.
Respeite as diferenças. Você já percebeu que cada membro do corpo é diferentes na forma, tamanho e jeito, porém, um está ligado ao outro, um depende do outro. Quando vivemos com essa consciência (interdependência) sabemos respeitar e valorizar o outro apesar das diferenças. O apóstolo Paulo escrevendo sobre a igreja como um corpo disse: "...para que não haja divisão no corpo; pelo contrário, cooperem os membros, com igual cuidado, em favor uns dos outros. De maneira que, se um membro sofre, todos sofrem com ele; e, se um deles é honrado, com ele todos se regozijam".  (1 Co. 13.4) 
Saiba perdoar (Ef. 4.32). Paulo pensava assim: "Se Deus me perdoou uma divida impagável, eu não tenho outra opção, a não ser, perdoar". Quem não sabe perdoar, não aprendeu a se relacionar, precisa de libertação interior.
Aprenda a doar-se (2 Co. 8.9). Quem não viver para servir, tem poucos amigos, porque amizades de constrói servindo. Pessoas que tem dificuldade em servir, se doar tem dificuldade de se relacionar.
Ame incondicionalmente. O amor: "...tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta". (1 Co 13.7)
Seja um promotor da paz. Paulo se relacionava bem com as pessoas, porque era um construtor de pontes. Leia a carta que ele escreveu ao seu amigo Filemom e veja como ele constrói uma ponte de ligação entre Onésimo, o escravo fugitivo, mas agora convertido, e Filemom o seu senhor. Pessoas sadias interiormente, são construtores de pontes.
Seja amigo e terás amigo. É impossível ter muitos amigos em Cristo, e ser alimentado através da comunhão com eles, se não houver a preocupação em ser amigo.  Disse Charles Swindol: "Amigos são como árvores frondosas que oferecem sombra em tempos difíceis. Porém, só os tem quem planta".  Todos sabem, que entre plantar uma semente e ter uma árvore, pode levar até dez anos. O semeador nunca é um imediatista, ele sabe fazer o seu trabalho com paciência até ver o seu investimento dar resultado.  Quem nunca planta a semente da amizade, não terá amigo quando for preciso. A Bíblia diz em (Pv. 17.17) "Em todo o tempo ama o amigo e para a hora da angústia nasce o irmão".  Joseph Addison, disse: "O grande tempero da vida é a amizade. Transforma-la em uma fonte de alegria é um segredo que poucos descobrem".
Oração, Leitura da Palavra e Comunhão com pessoas nutridoras, mantém o seu nível de resistência alto, e isso é evidência de saúde interior. Se você viver comprometido com está lista de prioridades, sua vida será sempre um canal de bênção para outros, assim como foi e continua sendo a do apóstolo Paulo.

 Oração:
 Pai querido, santo e justo, te louvamos porque a tua Palavra é também remédio para curar a nossa alma. O que seria de nós se não fosse o teu cuidado, o teu amor e a tua graça para nos sustentar na tua presença. Senhor, diante daquilo que estudamos, peço-te que neste momento aja cura interior na vida do(a) amado(a) que consegue fazer uma leitura positiva das tribulações, nem viver com otimismo. Falta gratidão no coração, e o seu nível de resistência tem sido muito baixo.
 Querido Pai, quantos dizem que desejam vencer, mas a vida de oração é pequena, o tempo dedicado à leitura da Palavra é insuficiente, e há muita dificuldade de se relacionar com as pessoas. Alcança esses com um toque sobrenatural, e que experimentem libertação, restauração, cura e avivamento, porque só assim, viverão com saúde interior. Senhor, da que ao serem tocados, se tornem um canal da tua graça para outras pessoas.
Pai, sabemos que só é possível cumprir o propósito para o qual fomos criados, se estivermos vivendo com equilíbrio, saúde e debaixo da tua graça. Na certeza de que esta é a tua vontade eu oro em nome de Jesus.
Amém!

---------------------------www.familiaegraca.com.br ------------------------

 

Seja um parceiro do Min. Família Debaixo da Graça

Se você tem sido abençoado com estas mensagens, nos ajude a manter o site e os nossos programas na RedeTV, aos sábados, nos enviando uma oferta de R$ 15,00. Se as 27.000 pessoas inscritas no site, nos ajudassem com R$ 15,00 por mês, poderíamos fazer muito mais em favor da família através do site, rádio e TV. Você pode ser um dos nossos parceiros. Basta enviar sua oferta através do:

 Banco do Brasil - Ag. 4246-3 - C/C 7485-3

(Associação Família Debaixo da Graça)

CNPJ 05591329/0001-98




Compartilhar  
   Comentar
     Nome    Comentário

  
  
 
    
     Email
    
     Site
    


  Ler Comentários    (0 resultados)
Comentários 0 de 0 - Total 0



<< Voltar >>

 



Reflexões

Categorias
Audio
Sexualidade
Família
Casais
Liderança
Mulher
Homem
Jovens
Teologia
Biografias
Ilustrações
Testemunhos
Cartas
Ministério

Família
Programa de TV
Programa de rádio
Fotos
Notícias
Equipe
Nossa Igreja
Eventos
Biografias
Encontro de Solteiros
Curiosidades
Esboços
Biografia
Fale Conosco
Josué Gonçalves

O pastor
Agenda
Videos
Fotos
Blog
Aprenda a Pregar
O Que Estou Lendo
Aconselhamento
Aconselhamento Respondidos
História
Fale conosco
Eventos

Participe
Encontro Nacional de Mulheres
IV Encontro de Solteiros
Fazer Inscrição
Dúvidas
Fale conosco
Parceiros

Amigo da Família
Casa de recuperação de casamentos
Programa de TV
Programas de rádio
Campanha do mês
Encontro de Casais
Congressos
Projetos Sociais
Website
Institucional
Seja um parceiro
Loja Virtual
Fale conosco
Cursos

Curso de Casais
Conteúdo
Videos
Professores
Aulas online
Dúvidas
Inscreva-se
Fale conosco
Onde Comprar

Estados
Alagoas
Amazonas
Bahia
Ceará
Distrito Federal
Espírito Santo
Mato Grosso
Mato Grosso do Sul
Minas Gerais
Maranhão
Pará
Paraíba
Pernambuco
Rio de Janeiro
Rio Grande do Sul
Santa Catarina
São Paulo
Paraná
Copyright© 2010 Todos os direitos reservados à Editora Mensagem para Todos Desenvolvido por: souto e web managers